estradas perdidas

Atrás de casa, encoberta por tufos de erva daninha, silvas e bidões abandonados, o comboio de janelas iluminadas vinha das Quintãs e silvou depois do túnel em curva, em direcção a Aveiro. Ali ao lado há uma estrada, a minha primeira estrada. Mulheres e homens cruzam-na impelindo teimosamente os pedais das bicicletas. Junto à vitrine de um pronto-a-vestir lê-se "Modas Katita". De uma taberna, saem dois homens que se dirigem para duas Famel-Zundapp. Estrada perdida.

2006-01-12

Acabem com isto também!

O papa Bento 16 condenou na quinta-feira o casamento gay e o uso da chamada "pílula do aborto"

4 Comments:

  • At 9:24 da tarde, Blogger Simplesmente 20 =) said…

    Ele pode condenar o que quiser... quanto mais condenar melhor, pois todos nós sabemos o ditado: "o fruto proibido..." (que até tem um exemplo na Biblia). Vendo bem até o podemos adaptar: "O fruto pelo papa condenado, é para nós o mais adoptado!".

     
  • At 11:01 da tarde, Blogger NUNO FERREIRA said…

    Olha só quem apareceu aqui!:) Seja bem aparecida!

     
  • At 9:44 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Enjoyed a lot! » »

     
  • At 6:57 da manhã, Anonymous Anónimo said…

    You have an outstanding good and well structured site. I enjoyed browsing through it »

     

Enviar um comentário

<< Home