estradas perdidas

Atrás de casa, encoberta por tufos de erva daninha, silvas e bidões abandonados, o comboio de janelas iluminadas vinha das Quintãs e silvou depois do túnel em curva, em direcção a Aveiro. Ali ao lado há uma estrada, a minha primeira estrada. Mulheres e homens cruzam-na impelindo teimosamente os pedais das bicicletas. Junto à vitrine de um pronto-a-vestir lê-se "Modas Katita". De uma taberna, saem dois homens que se dirigem para duas Famel-Zundapp. Estrada perdida.

2006-01-30

CLIQUEM E VEJAM AS FOTOS DA NEVE

estremoz2[1]
Estremoz, Alentejo

2 Comments:

  • At 5:56 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Amigo, vejo que colocou no post do seu blog, a minha foto sobre a neve em Estremoz, Alentejo.
    Já agora se quiser dar uma vita de olhos pelo meu blog força, aqui vai, estremoznet.blogs.sapo.pt

    Luis Saramago
    Estremoz
    Um abraço.

     
  • At 9:46 da manhã, Anonymous Anónimo said…

    That's a great story. Waiting for more. »

     

Enviar um comentário

<< Home